Independência

Independência

Ser livre, não  ter amarras, não ser possuído por algo que nos aprisione é um desejo muito forte. Vinicius de Moraes (1913-1980), com aquela capacidade de cantar e encantar, de fazer poesia, literatura de alto nível, em Antologia poética, dizia:




Mais do que a mais garrida a minha pátria tem

Uma quentura, um querer bem, um bem

Um Libertas quase sera tamen

Que um dia traduzi num exame escrito:

“Liberta que serás também”.

E repito!

Atualmente, sabemos que a frase Libertas quae sera tamen signifia “Liberdade, mesmo que tardia”, mas essa versão, que é quase óbvia, “Liberta que serás também” tem muita força na poesia de Vinicius.

Eu gosto demais também da terminação da poesia, em que ele diz: “E repito!”

Isto é, traz de novo, reafirma, marca com muita alegria que aquele que liberta, aquele que solta as amarras de si também o faz com os outros.

E, nesse sentido, uma sociedade livre é aquela em que todos e todas o são.

Se alguém não o for, ninguém o será.

 

Texto escrito pelo…

Mario Sergio Cortella

 

Compre o Livro “Pensar Bem nos Faz Bem Vol” do filósofo Mario Sergio Cortella.

 

Mario Sergio Cortella é um filósofo, escritor, educador, palestrante e professor universitário brasileiro mais conhecido por divulgar questões sociais ligadas à filosofia na sociedade contemporânea.

Outros Livros do filósofo Mario Sergio Cortella:

 

Deixe seu comentário