ANATOMIA DO CÉREBRO: LOCALIZAÇÕES E FUNÇÕES

ANATOMIA DO CÉREBRO: LOCALIZAÇÕES E FUNÇÕES

Por muito tempo predominou dentro da Psicologia abordagens que apelavam para explicações mentalistas e extravagantes, ou aquelas que preferiam ignorar os processos mentais pois estes não eram diretamente observáveis, porém nos últimos anos, com o crescente desenvolvimento tecnológico, pesquisadores podem, literalmente, observar os processos que ocorrem dentro de nossos crânios.




Essa nova forma de abordar o ser humano é conhecida como neurociências cognitivas, a qual tem como objetivo relacionar processos cerebrais e o sistema nervoso com nossos pensamentos, emoções e comportamentos (SHEPHERD, 1998; ROCKLAND, 2000). Uma das principais linhas de pesquisa dentro da neurociência cognitiva é a identificação de áreas do cérebro responsáveis por habilidades e comportamentos específicos.

 

Anatomia do cérebro

A capacidade de processar informação, se adaptar ao ambiente e interagir com este torna o cérebro o órgão humano mais importante. O cérebro costuma ser dividido em três regiões mais gerais: Prosencéfalo ou encéfalo frontal, Mesencéfalo, e Rombencéfalo.

 

  • Prosencéfalo é a região localizada na parte superior e frontal da cabeça, inclui estruturas como
    1. Córtex cerebral: Camada exterior do cérebro, envolvido na capacidade de pensar e outros processos cognitivos
    2. Gânglios basais:
    3. Sistema límbico: Envolvido no controle das emoções, motivação, memória e aprendizagem. Esta estrutura é formada por estruturas menores que inclui o septo (Raiva e agressividade), amídala (Medo e outras emoções) (ADOLPHS, 2003; DERNTL et al., 2009) e hipocampo (Memória) (MANNS; EICHENBAUM, 2006; O’KEEFE, 2003).
    4. Tálamo: Responsável por receber informações sensoriais e projetá-las para as regiões adequadas no córtex. Envolvido também nos processos de adormecer e acordar.
    5. Hipotálamo: Regula comportamento relacionado à sobrevivência, ou seja, combate, alimentação, fuga e acasalamento. Envolvido também na regulação do estresse

 

  • Mesencéfalo é a região responsável pelo controle dos movimentos dos olhos e coordenação. Nele está presente uma estrutura chamada formação reticular, a qual é basicamente uma rede de neurônios responsáveis pelo controle da consciência (adormecer, acordar, excitação, batimento cardíaco, respiração, etc. (SARTER; BRUNO; BERNTSON, 2003)

 

  • Rombencéfalo é formado pela medula oblonga, a protuberância anelar, e o cerebelo
  1. Medula Oblonga: Atua no controle da atividade cardíaca, respiração, no ato de engolir e o processo digestivo. Também é a região na qual os nervos do lado direito do corpo atravessam para o hemisfério cerebral esquerdo, e vice-versa.
  2. Protuberância Anelar: Também conhecida como “ponte” essa é formada por fibras neurais e são responsáveis por receber e projetar informação para outras regiões
  3. Cerebelo: Responsável pela coordenação, equilíbrio, tônus muscular, e alguns processos de memória (MIDDLETON; HELMS; TILLERY, 2003)

 

Referências

ADOLPHS, R. Amygdala. In NADEL, L. Encyclopedia of cognitive science. London: Nature Publishing Group, 2003.

DERNTL, B., WINDISCHBERGER, C., ROBINSON, S. et al. Amygdala activity to fear and anger in healthy young males is associated with testosterone. Psychoneuroendocrinology, v. 34, n. 5, p. 687-693, 2009.

MANNS, J. R., EICHENBAUM, H. Evolution of declarative memory. Hippocampus, v. 16, n. 9, p. 795-808, 2006.

MIDDLETON, F. A., HELMS TILLERY, S. I. Cerebellum. In NADEL, L. Encyclopedia of cognitive science. London: Nature Publishing Group, 2003

O’KEEFE, J. Hippocampus. In NADEL, L. Encyclopedia of cognitive science. London: Nature Publishing Group, 2003

ROCKLAND, K. S. Brain. In KAZDIN, A. E. Encyclopedia of psychology. Washington: American Psychological Association, 2000.

SARTER, M., BRUNO, J. P., BERNTSON, G. G. Reticular activating system. In NADEL, L. Encyclopedia of cognitive science. London: Nature Publishing Group, 2003

SHEPHERD, GORDON M. The synaptic organization of the brain. New York, NY: Oxford University Press, 1998.

STERNBERG, R. J., STERNBERG, K. Cognitive psychology. Australia: Wadsworth/Cengage Learning, 2012.

 

Leia nossa indicação e post “INTELIGÊNCIA: MODELOS COGNITIVOS”

Siga nosso insta @PensarBemViverBem





Deixe seu comentário